4ª Etapa Copa Paulista de Motocross – Guareí

3ª Etapa Copa Paulista de Motocross – Angatuba
9 de março de 2020

4ª Etapa Copa Paulista de Motocross – Guareí

Guigão supera Japinha e vence as principais provas da quarta etapa da Copa Paulista de Motocross em Guareí

 

No segundo duelo entre Wilgner Francisco, o Guigão (Vargem Grande Paulista/SP), e Renan Goto, o Japinha (Tupã/SP), desta vez melhor para Guigão que venceu a MX1 e a MX Open na quarta etapa da Copa Paulista de Motocross 2020, domingo, dia 15/03, em Guareí.

Daniel Caputo (Tatuí/SP) largou na frente na MX Open. Já Guigão e Japinha começaram a prova um pouco mais atrás, e travaram um duelo emocionante pelo segundo lugar até a metade da prova. Guigão superou Japinha e logo depois conseguiu a ultrapassagem em Daniel Caputo para vencer. Quando Japinha ultrapassou Caputo, houve um choque entre as motos, o piloto de Tupã continuou mas Daniel e teve que desistir da prova. Com isso, Ricardo Carneiro (Itu/SP) andou bem e ficou com o terceiro lugar. Logo atrás, Alexandre Vasconcelos, o La Bala (Piracicaba/SP) foi o quarto. E José Divino Faustino, o Pitio (Riversul/SP), com moto nacional, terminou em quinto.

Na MX1 Caputo também largou na frente, mas foi superado por Japinha e Guigão e terminou em terceiro. Na frente em nova briga, Guigão foi melhor e venceu, com Japinha em segundo. João Vitor Cardeli (Tatuí/SP) fez boa prova e terminou em quarto, com Rodrigo Guedes, o Guedinho (Botucatu/SP) fechando o pódio.

Japinha venceu um dos duelos com Guigão na MX2. Ele já largou na frente não dando chances aos adversários. La Bala foi o terceiro, seguindo de Frederico Oliveira (Paranapanema/SP) e Fernando Bonfim (Indaiatuba/SP).

Na MXN1, o adversário de Japinha foi Gabriel Sanciane, o Gabi (Bauru/SP). Na largada Pitio largou bem e estava bem a frente mas sofreu uma queda, se recuperou e ainda terminou em terceiro. A briga foi boa pelo primeiro lugar em que Japinha e Gabi disputaram a posição até o final, e Japinha ficou a frente com Gabi em segundo. No começo Thallys Bueno e Luis Saron, os dois de Tatuí, se tocaram, caíram e saíram da prova. Com isso o quarto colocado foi Lucas Lima (Itaí/SP) e o quinto posto ficou com Lucas Kauê (Guapiara/SP).

Japinha teve o mesmo trabalho para vencer a MXN Open. Gabi novamente largou melhor e ficou a frente em nova disputa alucinante com Japinha. Só que o piloto de Tupã mostrou toda a sua habilidade, ultrapassou o piloto de Bauru que teve problemas com retardatários e terminou em primeiro, com Gabi em segundo, Pitio em terceiro, Thallys Bueno foi o quarto, e Lucas Lima foi o quinto.

Mais uma vez o multi campeão Rafael Zenni (Itu/SP) venceu tranqüilo a MX3. A disputa foi boa de assistir pelo segundo lugar entre Luis Saron e João Vitor Cardeli. Melhor para Cardeli que superou Saron e terminou em segundo. Guedinho ficou com o quarto lugar e Fabio Aleixo (São José dos Campos/SP) fechou os cinco primeiros.

Guedinho venceu com tranqüilidade a MX4 conseguindo manter boa distância sobre Fabio Aleixo, que foi o segundo. Jeverson Camiloti (Santo Antonio da Platina/PR) até pressionou mas no final ficou com o terceiro lugar. Reginaldo Silva (Apiaí/SP) foi o quarto. Eduardo Balan (Sorocaba/SP) ficou em quinto.

Fabio Aleixo foi o melhor na MX5, sem pressão dos adversários. Quem se recuperou durante a prova foi Alcir Franco (Marília/SP) que fez algumas ultrapassagens para chegar em segundo. José Castro (Sorocaba/SP) ficou em terceiro. Ezequias Santos (Cambé/PR) ficou com o quarto lugar, e Luiz Moura, (Piraju/SP) fechou o pódio.

Gleison da Cunha, o Grampola (Cambará/PR), não foi ameaçado e venceu a Nacional Sênior 33. Jessé Lopes (Angatuba/SP) superou os adversários e terminou em segundo. A briga foi até o final pelo terceiro lugar e o dono da posição foi Ulisses Amaral, o Gegé (Angatuba/SP). Murilo Recane (Angatuba/SP) foi o quarto, e Rodrigo Araujo (Itapetininga/SP) ficou em quinto.

As posições finais se repetiram na MXN2 com Grampola em primeiro. Jesse Lopes em segundo e Gegé no terceiro posto. Na quarta posição melhor para Rodrigo Araujo e quinto lugar ficou com Felipe Nissani (Capela do Alto/SP).

Quase que o piloto da casa venceu na Intermediária Importada. Edson Costa brigou a parte final da corrida com André Vieira (Angatuba/SP). Mas o piloto da cidade vizinha conseguiu a vitória. Allan Flavio (Sorocaba/SP) foi o terceiro. Lucas Andrade (Marilia/SP) ficou em quarto. E Maycon Briene (Barão de Antonina/SP) fechou o pódio.

Na Junior B, Lucas Kauê venceu de ponta a ponta. Thomaz Paes (Elias Fausto/SP) foi o segundo. Lucas Souza (Guarulhos/SP) ficou em terceiro. Nathan Betella (Osasco/SP) terminou em quarto. E Leonardo Lima (Quadra/SP) fechou os cinco primeiros. Na Junior A, a vitória ficou com Juan Pablo (Itaporanga/SP).

Entre as mulheres a primeira colocada foi Maria Eduarda (Paranapanema/SP), seguida de Renata Almeida (Marília/SP) e Julia Freitas (Guarei/SP).

Entre os pequenos das Mini Motos ou até 11 anos Matheus Godoy venceu. Gabriel Sugi ficou em segundo depois de ser ameaçado por Cesar Antonio “Cesinha” (Assis/SP) que terminou em terceiro. Marcos Antonio (Itapetininga/SP) ficou em quarto e Gabriel Lopes (Itapetininga/SP) fechou os cinco primeiros.

Na 50cc Luis Afonso (Itapeva/SP) venceu novamente em Guareí, com Jonas Andreazzi (São Paulo/SP) foi o segundo, Gabriel Sugi (Bauru/SP) ficou em terceiro. Gabriel Piedade (Itapeva/SP) terminou em quarto. E Gabriel Lopes foi novamente o quinto colocado.

A próxima etapa da Copa Paulista de Motocross, organizada pela SMS Cross, está marcada para 18 e 19 de abril, em Paranapanema.

Patrocínio: Solucard, Valor Tecnologia de Ativos, Conti Cola
Apoio: Moura Motos, Açaí da Dry, Turn Down, Paulista Combustíveis, Casa de Carnes do Andre, Tom Motos, 152 Motos, Galo Veio Transportadora, MZ Mine Motos.
Informações: www.cpmx.com.br , facebook @smscross – @copapaulistamx ou pelo telefone (14)99794 4995

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *